CLÁUDIO AJUDA-ME

… Ele, o livro.

Por

… O livro. O livro da minha vida. Não as minhas memórias. É cedo para isso, e nem sei se alguém as quereria ler.  Este é o o livro que eu queria que todos tivessem nesta altura porque conta muito do meu caminho e porque eu não acredito em coincidências, veio na hora certa. Acredito que tudo se junta para que aconteça o melhor no momento que tem de acontecer. O livro está a ser preparado há mais de um ano. Cuidadosamente preparado. Os textos, a fotografias, o grafismo, como se editaria, a alma posta no papel e a forma como chegaria às vossas mãos. A verdade de um livro que é tão pessoal, e que agora voa daqui para um lugar qualquer no mundo que o queira ter em casa. É preciso dar-lhe asas, mas dar-lhe força para que faça sentido. Conseguimos isso … É o meu décimo livro. É seguramente o livro que tem mais alma minha que qualquer outro. Lágrimas, sorrisos, gargalhadas, frustrações, amores, desencantos, amizades, decepções, alegria, muita alegria e sonhos. Muitos sonhos. Sonhos em exagero…  São pedaços meus colados no papel, que quando lerem percebem que, digam o que disserem, somos todos feitos de muitas coisas que nos fazem fracos e fortes, mas que nem por isso deixamos de seguir em frente porque temos consciência que o caminho é em frente. Tem de ser. Custa muitas vezes dar o passo, e ao longo destes anos todos – como conta o livro – custou dar passos que fizeram de mim melhor pessoa, mas tiveram que ser dados naquele altura. Era a altura certa. Se fosse antes não tinha balanço e se os desse depois corria o risco de chegar ao outro lado já depois da hora… O Eu, Cláudio sou eu como vocês me conhecem só que posto no papel com a alma de quem tem o desassossego da eterna dúvida, das inquietações ao mesmo tempo que luta por certezas absolutas, sonhos que são claros objectivos, que tem receio de multidões, pânico a coisas comuns, o que chora com a felicidade dos outros e o que tenta não falhar, mesmo falhando muito. Sou eu num amontoado de páginas alinhadas tão carinhosamente que quando o vi pela primeira vez, impresso na minha mão, não pude deixar de perceber que é um livro bonito para mim, justo de dividir com todos os que gostam de mim e que se atreve a desafiar aqueles que me olham de lado… porque nestas linhas – entre uma e outra – verificamos que temos muito mais em comum do que pensa a maioria. Boa leitura! Eu, CláudioEntrou hoje em pré venda e para a semana está em todo o lado. Se te quiseres antecipar às bancas compra aqui  com todas as regalias que uma pré venda tem. Eu não fazia isto por menos, né?

 

Obrigado 😉

 

Blogs do Ano - Nomeado Entretenimento